O design da Tocha Olímpica by Tokujin Yoshioka - Revista By

O design da Tocha Olímpica by Tokujin Yoshioka

O design para a nova Tocha Olímpica criada por Tokujin Yoshioka foi apresentada e foi inspirada na flor de cerejeira japonesa.

Tocha Olímpica, é um importante símbolo das Olimpíadas, segundo a mitologia sobre suas origens na Grécia Antiga, onde o fogo era mantido por toda a celebração nos Jogos Olímpicos da Antiguidade, é símbolo da comemoração do roubo do fogo do deus grego Zeus por Prometeus, que era conhecido como o titã defensor dos direitos da humanidade.

A tocha criada por Yoshioka mede 71 cm de comprimento e pesa cerca de 1,2 kg. Foi projetada para garantir que a chama não se apague, mesmo durante a temporada de tufões. Com inspirações na história, na tradição e na cultura oriental, além de um apelo social, foram alguns dos fatores que levaram o designer japonês a criar o conceito da tocha das Olimpíadas de 2020, que será realizada em Tóquio.

Inspirada na flor de cerejeira sakura, a mais conhecida do Japão, o design da brilhante peça de ouro rosê foi criado em uma única chapa de alumínio, derivada de resíduos de habitações temporárias construídas para as vítimas do terremoto de 2011 e do tsunami.

Fukushima foi escolhida como ponto de partida para o revezamento da tocha olímpica e a passagem da chama está programada para começar no dia 26 de março de 2020, e seguirá em rumo ao sul, até a ilha subtropical de Okinawa, onde foi o ponto de partida para o revezamento de 1964, primeira vez que Tóquio recebeu os jogos, antes de voltar para o norte e chegar à capital japonesa, em 10 de julho.

 

Fotos by Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *